Gengivas inflamadas vs. Dentes sensíveis

Gengivas inflamadas vs. Dentes sensíveis

Os dentes e as gengivas desempenham um papel fundamental e ímpar na nossa boca. É fácil subestimar as funções essenciais que ambos desempenham. Pelo menos até começar a sentir dor. Quer a inflamação gengival quer a dor nos dentes são fonte de desconforto oral. Conheça as principais diferenças entre ambas e as melhores formas de aliviar a dor.

Inflamação gengival

Inflamação gengival é exatamente o que parece – um tipo de irritação nas gengivas. Se suspeita de inflamação gengival, procure alguns sintomas específicos para fazer o diagnóstico: A inflamação pode ser causada por gengivite, a fase inicial de doença nas gengivas. Alguns sinais de gengivite são gengivas inflamadas e sensíveis ao toque, sangramento e mau hálito. À medida que a gengivite progride para uma doença mais grave, a recessão gengival é outro problema ao qual se deve estar muito atento.

Inflamação gengival é resultante de gengivite ou doença periodontal e é tendencialmente causada por uma fraca higiene oral. A placa bacteriana é a principal causa desta inflamação, uma vez que se acumula ao longo da linha da gengiva e, se não for tratada, pode evoluir para uma doença das gengivas. Causas adicionais incluem diabetes, tabagismo, dentes desalinhados e gravidez.

Sensibilidade dentária

A sensibilidade dentária também tem alguns sintomas muito específicos. Pode sentir um tremor físico por sensibilidade ao escovar ou ao usar o fio dentário em certos dentes, assim como ao comer ou beber algo mais frio, quente, ácido ou mesmo doce.

A sensibilidade dentária tem muitas causas e algumas assemelham-se à inflamação gengival: cáries e fraturas nos dentes, recessão gengival, desgaste do esmalte, dentina exposta, material usado nos restauros que começa a soltar-se e, por último, doença das gengivas. Ranger os dentes ou uma escovagem mais agressiva são duas causas adicionais de sensibilidade dentária. O uso excessivo de elixir ou a existência de dentes fraturados também pode expor os nervos da dentina e provocar irritação.

Tratamento e prevenção

Embora quer a inflamação gengival quer a sensibilidade dentária possam conduzir a problemas de saúde oral, ambas são possíveis de tratar e prevenir com grande taxa de sucesso. Manter bons hábitos de saúde oral é a melhor forma de evitar a inflamação gengival e sensibilidade dentária e outros problemas que tenham nelas a sua origem. Isto começa pelo uso de uma pasta dentífrica que previna a placa e a gengivite – duas possíveis causas de sensibilidade dentária. O uso de fio dentário e uma dieta nutritiva também ajudam a promover a saúde das gengivas.

A sensibilidade dentária pode ser tratada com uma pasta dentífrica para dentes sensíveis e um gel de flúor. Consoante a origem do seu problema, o seu médico dentista pode recomendar outros tratamentos, como enxertos de gengiva ou desvitalização. E, como sempre, quando um problema persiste, deve consultar o seu Profissional de Saúde Oral.

 

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde oral. Este conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Procure sempre a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

Artigos relacionados